SEARA DA CIÊNCIA

LEONARDO DA VINCI

Nasceu em Vinci, perto de Florença em 15 de abril de 1452 e faleceu em Castle Cloux, perto de Amboise em 2 de maio de 1519.

Muitos acham que Leonardo foi somente um artista por causa das suas famosas obras Mona Lisa e A Última Ceia. Entretanto, ele foi muito mais do que isso. Pertenceu à era da Renascença e, embora lhe faltasse uma educação mais clássica, ele foi engenheiro militar e visualizou equipamentos além do escopo de seu tempo. Desenhou tanques e aeroplanos primitivos, usando mecanismos e engrenagens sofisticados para tecnologia da época. Desenhou a primeira idéia de para-quedas e construiu o primeiro elevador. Por causa dessas muitas habilidades Leonardo teve muitos patrões poderosos como os Borgia, os Medici, Louis XII, entre outros.

Na ciência, Leonardo teve excelentes ideias como a noção do princípio da inércia, a aceleração dos corpos em queda livre, um século antes de Galileo, e entendeu a impossibilidade do movimento perpétuo. Estudou a estrutura dos ossos e músculos, incluindo o coração e suas válvulas, pela dissecação de cadáveres. Propôs a idéia da circulação sanguínea bem antes de Harvey. Considerava que a Lua tinha a natureza da Terra e seu brilho era o reflexo do Sol. Defendia que a Terra não era o centro do universo e girava em torno de seu eixo. Tinha opiniões corretas a respeito dos fósseis.

Infelizmente, suas idéias não foram conhecidas por seus contemporâneos pois ele as mantinha em código em volumosos cadernos de anotações, só mais modernamente decifradas.